background img

Sobrevivencialismo Como se preparar para a falta de água?

O Brasil entrou em 2015 com um panorama econômico complicado, porém também corre um sério risco de ter dificuldades de abastecer metade dos seus municípios com a quantidade adequada de água. O diagnóstico feito pela Agência Nacional de Águas (ANA) mapeou as tendências de demanda e oferta de água nos 5.565 municípios brasileiros e estimou em R$ 22 bilhões o total de investimentos necessários para evitar a escassez, e como sabemos, o Brasil não tem fama de ser eficiente em seus projetos.

Estamos falando de possível racionamento para cerca de 125 milhões de brasileiros. O uso desmedido e a falta de água nas regiões mais populosas cria um cenário potencialmente perigoso que pode afetar não só a hidratação das pessoas como também toda a economia e disposição demográfica do país.

Algumas regiões já estão em situação preocupante, como vocês podem acompanhar nesta notícia. A questão é: O que você pode fazer para se preparar? Vamos começar pelos planejamentos de curto, médio e longo prazo.
Curto prazo 
Aqui estamos falando do que você pode armazenar e irá gastar no primeiro momento. Vamos as alternativas:
  • Água engarrafada. A maioria das pessoas tem água engarrafada “jogada” em algum lugar em casa ou no carro, mas é interessante ir até o mercado e comprar uma quantidade razoável para deixar armazenada;
  • Galões de grande capacidade para armazenar maior quantidade, só certifique-se que os galões são apropriados para água;
  • Caixa d’agua extra. Se o seu orçamento permitir, investir em uma caixa adicional em sua residência lhe dará maior segurança e capacidade de estoque;
Uma nota importante aqui! O maior erro das pessoas em cenários de racionamento é querer utilizar a água da mesma forma como em um cenário normal de abastecimento. A forma como você racionará o seu estoque é mais importante do que ter enormes quantidades e gastá-las de maneira desmedida.
Médio prazo
Se a água não voltar após o primeiro momento, você precisará desenvolver meios de encontrar e purificar a água que conseguir. Algumas ideias:
  • Marque os lagos, córregos e poços artesianos na sua região. Ter um mapa com todas estas possíveis fontes anotadas poderá lhe ajudar a conseguir o que você precisa. Como a maioria das pessoas não se planejará para isso você terá a vantagem de chegar as fontes sem que estas estejam esgotadas ou demasiadamente contaminadas;
  • Adquira sistemas de filtragem. Aqui qualquer filtro é bem vindo, desde os portáteis (Life Straw e afins) até os estáticos como os filtros de barro e purificadores de água semelhante;
  • Estoque purificadores de água. Filtrar não basta, você precisa também eliminar os microorganismos nocivos que podem estar na água. Lembre-se que em cenários de falta de água a diarréia torna-se quase que epidêmica exatamente pela falta de purificação. Procure comprar pílulas como a Aquatabs ou até mesmo água sanitária para ter em seu estoque.
Longo Prazo
Aqui entramos em um ponto mais complicado, afinal, longos prazo sem água podem desencadear caos social e uma série de complicações que vão muito além da sede. Ainda assim, existem algumas alternativas que podem te ajudar:
  • Cisternas. Coletar água da chuva é uma alternativa barata e fácil de ser gerenciada. Um simples sistemas de calhas no seu telhado com direcionamento para uma cisterna ou até mesmo barris/baldes poderá lhe propiciar enormes quantidades de água quando haver chuva na sua região;
  • Poços artesianos. Apesar de ser algo difícil de ser feito e igualmente difícil de se conseguir permissão, os poços artesianos lhe darão um estoque virtualmente ilimitado de água. Claro que depende diretamente da sua região, em alguns lugares o lençol freático é fundo demais para ser alcançado;
  • Abandono da região. Como dissemos, a falta de água provavelmente causará caos social onde pessoas literalmente vão matar para conseguir uma garrafa de água. Caso você resida em uma região densamente populosa talvez esta seja a alternativa mais segura para ser levada em conta.
Como eu sempre digo, não gosto de discursos catastróficos ou apocalípticos… Mas a falta de água está causando preocupação e já está impactando diretamente na vida de muitos brasileiros. Nós, Sobrevivencialistas, precisamos ficar prontos caso o cenário não mudar, pois com certeza haverão impactos socioeconômicos severos: problemas com produções de alimento, êxodo de áreas urbanas em direção a outros estados e áreas rurais, aumento de violência e muitos outros pontos entrarão em cena.
Onde você mora está havendo racionamento? Qual a perspectiva para a sua região durante esse ano em relação ao abastecimento de água? O que você está fazendo para se preparar?
Até.


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato