background img

Nova lei permitiria ao Google identificar rostros desde seus satélites


Graças à flexibilização da regulação federal, a partir de agora os satélites oferecerão informação concreta sobre as pessoas ao poder tomar fotos de objetos que superem uns 25 centímetros de tamanho. Esta medida aprovada pelo Departamento de Comércio dos EUA permitirá que os satélites trabalhem com um grau de detalhe suficiente para identificar, por exemplo, marcas de carro ou artigos de vestuário. Embora esta nova iniciativa foi aprovada em junho passado, os esforços do ‘lobby’ do setor privado continuam diariamente com o fim de estender os horizontes legais do que está permitido mostrar em fotografias tomadas desde o espaço.

A companhia estadunidense de satélites DigitalGlobe lançará ao espaço Worldview-3, uma nova joia tecnológica que permitirá aproveitar ao máximo a atualização da legislação. A companhia têm esperanças de que o Governo estadunidense avance um passo mais e habilite a transmissão de objetos de dez centímetros de tamanho, segundo o site Motherboard.

Um foco inovador de negócios se abre e a multimilionária Google não fica atrás nesta potencial área de rentabilidade ao adquirir Skybox Imaging após a atualização legal de junho. Segundo Elyse Wanshel, redatora da Motherboard, o buscador assegurou que a compra da Skybox ajudará a realizar melhoras em produtos como Google Earth e Maps, suas aplicações de geolocalização via satélite. A companhia também disse que com a incorporação da Skybox desenvolverá um revolucionário serviço de ‘nuvem global’.

Embora os usuários desfrutem a diário dos serviços de geolocalização, estas medidas poderiam expôr sua privacidade como nunca antes, o que abre muitos interrogantes à justiça em relação à proteção da mesma.

Fontes: RT , Caminho AlternativoMotherboardA Nova Ordem Mundial , Periodismo Alternativo

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato