background img

EUA autorizam droga experimental contra ebola na Libéria

Medicamento aplicado em doentes nos Estados Unidos será usado no tratamento de médicos liberianos infectados pelo vírus

Funcionários da área médica carregam o corpo de uma vítima do ebola em Serra Leoa, em 25 de julho
Foto: Umaru Fofana / Reuters
O presidente norte-americano, Barack Obama, e a Administração de Alimentos e Drogas dos Estados Unidos aprovaram um pedido do governo da Libéria para enviar doses de amostras de uma droga experimental para tratar médicos liberianos infectados com o ebola, afirmou a Presidência da Libéria em um comunicado.

O documento, publicado no site oficial da Presidência da Libéria, diz que as drogas experimentais serão entregues ao país da África Ocidental nesta semana por um representante do governo dos Estados Unidos, após um apelo direto a Obama feito na sexta-feira pela presidente da Libéria, Ellen Johnson Sirleaf.

A chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Margaret Chan, também autorizou o envio de doses adicionais do medicamento experimental para a Libéria a fim de apoiar o tratamento de médicos afetados, disse o comunicado. Essas doses serão entregues por um especialista da OMS nesta semana.

Subiu para 1.013 o número de vítimas fatais do ebola e 1.848 o de casos registrados da doença, informou a OMS nesta segunda-feira.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato