background img

Templo de Salomão ou de Herodes?

A Igreja precisa disto?

Chama a atenção o absurdo dessa proposta: a construção do que a Igreja Universal chama de "Templo de Salomão", em São Paulo. Segundo informações do blog do líder da denominação, “bispo” Edir Macedo (http://bispomacedo.com.br/2010/07/15/projeto-do-templo-da-iurd/), o edifício será uma ‘mega-igreja’ para 10.000 pessoas, com 126 metros de comprimento e 104 metros de largura, mais do que um campo de futebol e do que o maior templo católico da cidade, a Catedral da Sé. A altura de 55 metros é quase o dobro do Cristo Redentor, no Rio. Para mais detalhes, veja no endereço do blog. Entretanto, alguns absurdos saltam aos olhos de quem tem olhos para enxergar.
Pedras de Israel – Diz o “bispo” que “vamos revestir as paredes do templo com elas. Nós queremos que as pessoas tenham um lugar bonito par buscar a Deus e também a oportunidade de tocar nessas pedras e fazer orações nelas”.

A "arca da aliança" - será colocada sobre o altar com o objetivo de proporcionar um efeito tridimensional, que, quando aberta, poderá ser observada totalmente em seu interior e também refletirá no batistério, criando a sensação, durante o batismo, de que a pessoa estará se batizando dentro da Arca.

Altar - ladeado por duas colunas chamadas Joaquim e Boaz (sic), terá doze pedras representando as tribos de Israel.

Justificativas e explicações não faltam. Escolas bíblicas para 1,3 mil crianças, estúdios de tevê e rádio, auditórios, estacionamento para mais de mil carros, e ecologicamente correto, não será “apenas um templo”: Macedo aposta que o local se tornará um ponto turístico e cultural, que atrairá pessoas do mundo todo. Ou seja, todo investimento tem que ter retorno.


Qualquer pessoa que já tenha lido a Bíblia algum dia sabe que Davi desejava erguer um templo, pois até sua época a Arca da Aliança era abrigada pelo Tabernáculo, uma estrutura móvel que podia ser transportada para praticamente qualquer lugar. Caberia uma reflexão? Será que o desejo de Deus não seria, talvez, mostrar a Seu povo que Ele não poderia estar restrito a um lugar físico? Os teólogos que nos respondam. O fato concreto é que Deus não permitiu que Davi realizasse essa obra, mas sim Salomão. Lemos em II Crônicas a descrição do edifício. E aí começamos a perceber que esse prédio da IURD não é, como se afirma, uma réplica do templo “de Salomão”; ele é, na verdade, cópia do templo “de Herodes”, mandado construir pelo sanguinário governante dos tempos de Jesus, 800 anos depois do “de Salomão”, e completamente diferente do primeiro.

Uma pesquisa relativamente simples nos mostrará que o projeto não tem nada a ver com o templo “de Salomão”. Falta de informação? Ou divulgação deliberadamente equivocada? “Templo de Salomão” soa bem melhor do que “Templo de Herodes”, convenhamos.

O autor do projeto da IURD é o arquiteto Rogério Silva de Araújo, que, segundo se veiculou, acredita ter seguido à risca as instruções divinas para a construção do Templo. Pura falácia. Segundo a Wikipédia, “o templo [de Salomão] tinha uma planta muito similar à tenda ou tabernáculo que anteriormente servia de centro da adoração ao Deus de Israel. A diferença residia nas dimensões internas do Santo Lugar e do Santo dos Santos ou Santíssimo Lugar, sendo maiores do que as do Tabernáculo. O Santo tinha 60 côvados (27 m) de comprimento, 20 côvados (8,9 m) de largura e, evidentemente, 30 côvados (13,4 m) de altura. (I Reis 6:2) O Santo dos Santos, ou Santíssimo, era um cubo de 20 côvados de lado. (I Reis 6:20; II Crônicas 3:8)” (http://pt.wikipedia.org/wiki/Templo_de_Salomão). Assim, vemos que o tamanho exagerado do novo prédio já configura um desejo de se sobrepor a outras edificações. Em outras palavras, o sujeito não "seguiu à risca" as determinações bíblicas, mas fez um projeot muito, mas muito maior. Ele acha que o projeto de Deus era pequeno demais, tímido demais, mixuruca demais. O dele é maior, mais glorioso, mais moderno. Coisa do Homem. Carne. Sistema "mundo", kosmos.

Minha modesta opinião é de que não necessitamos de templos, pois nesta dispensação o templo de Deus é o nosso corpo, onde habita o Espírito Santo, cf. I Coríntios 6:19. Deus não habita em templos humanos, como lemos em Atos 7:48-54: mas o Altíssimo não habita em templos feitos por mãos de homens, como diz o profeta: O céu é meu trono, e a terra o escabelo dos meus pés. Que casa me edificareis, diz o Senhor, ou qual o lugar do meu repouso? Não fez, porventura, a minha mão todas estas coisas? Homens de dura cerviz, e incircuncisos de coração e ouvido, vós sempre resistis ao Espírito Santo; como o fizeram os vossos pais, assim também vós… Ouvindo eles isto, enfureciam-se em seus corações, e rangiam os dentes...

Infelizmente, parece que exigir esse entendimento hoje em dia já é um pouco demais… não se sabe diferenciar nem o Velho Testamento do Novo! A IURD, por exemplo, vem há anos apresentando um "evangelho" baseado em fórmulas, amuletos, objetos, copos de água, vale do sal, jogar pedras em gigantes, enfim, repleto de inovações estranhas ao Evangelho genuíno. Outras "igrejas", embora rejeitem parte desse misticismo, misturam elementos do culto judaico, que não mais se aplica à presente dispensação. Vemos hoje reuniões com levitas, sacerdotes, dízimos, ofertas “alçadas”, “de primícias”, toque de shofar, unção com óleo de diversas procedências e finalidades, até mesmo para “ungir pastores” (a Bíblia ensina que pastor se consagra com imposição de mãos e não com unção com óleo – esta é apenas para enfermos); de modo que até patriarca já tem na igreja evangélica.
Experimentemos tirar todas essas coisas da IURD e outras "igrejas", para ver quem fica e quem sai. Quem desiste da caminhada. Seria ou não um culto com base em elementos externos, sensoriais? Pedras de Israel, Arca da Aliança, e até mesmo o véu que Jesus rasgou! A cristandade como um todo vive hoje no estado de Laodicéia, a última carta de Apocalipse. Rica e abastada – mas o Senhor está à porta, do lado de fora.

Quem tem o Espírito de Deus possui também a mente de Cristo, e com ela o entendimento para diferenciar o Velho do Novo Testamento. No Evangelho cristão não há espaço para templos, dízimos, levitas, sacerdotes, rosa ungida, vale do sal, copo de água benta, vuvuzela de Josué; não há mais a arca nem véu! Nunca houve correntes de sete semanas, peregrinações a Israel, queima de papéis no monte, banho de sete águas, toque de shofar. Não vemos nenhum desses ensinos nos Evangelhos, nas cartas dos Apóstolos (os verdadeiros, não os modernos). É tudo invenção humana! O Evangelho da Nova Aliança não combina com essas coisas. Isso tudo ou é herança do judaísmo ou da umbanda. Evangelho estranho, ou seja: heresia. Voltemos ao Evangelho, mas ao Evangelho puro, sem mistura, sem inovações humanas.

Esse “templo” da IURD nem mesmo é uma igreja: é um ponto turístico, uma atração urbana, uma curiosidade; portanto, um empreendimento comercial, e com isso o cristão não pode concordar. A megalomania tem que ter limites: um dia é superar a Rede Globo, depois a Catedral da Sé ou o Cristo Redentor... chega!

Precisamos de uma nova reforma, que venha abolir todas essas baboseiras. Foi contra essas coisas que homens como Lutero, Calvino, Melanchton, Huss, Wycliffe e muitos outros deram a vida. Homens dos quais, infelizmente, pouco se fala hoje em dia.

Gálatas 1:6 – Estou admirado de que tão depressa estejais desertando daquele que vos chamou na graça de Cristo, para outro evangelho.

Colossenses 2:8 – Tendo cuidado para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo.

PS.: as colunas do templo de Salomão se chamavam “Jaquim e Boaz”, e não “Joaquim e Boaz” (II Cr 3:17). Mas... exigir esse entendimento hoje em dia já é um pouco demais…



Fontes: Doa a Quem Doer , Youtube Libertar

5 comentários: Leave Your Comments

  1. Gostaria de informar que o templo de Salomão foi totalmente destruidos pelos romanos. Depois da destruição foi colocado sal no terreno para nao crescer nem ervas daninhas. Os judeus foram proibidos pelos imperadores Tito e Vespesiano de voltarem para Israel sob pena de morte. O judaísmo foi proibido no Império Romano por ser uma ideologia do qual as pessoas odeiam a humanidade e praticarem sacrifícios humanos….
    (Veja a agenda abortista que foi principalmente organizada no comerco por mulheres judias e a Agenda Gay que foi idealizada originalmengte pela judia Edith Butler )
    O Muro das Lamentacoes é, na verdade, um muro de uma ruína romana.
    Os cristaos sao frutos da Nova Alianca que "o Messias" Jesus Cristo, que é Deus determinou para os Cristaos.
    A civilização crista ocidental é a civilizacao mais poderosa que já existiu e existe na face da terra. Com a ajuda e inspiração e instituicoes baseadas no cristianismo ... ensinamentos de Cristo, o verdadeiro Messias filho de Deus altíssimo.
    Nenhuma civilização terrestre superou a Civilização Crista em criatividade, organização e progresso.
    Cristianismo só é representado pela Igreja Apostólica Romana Católica.
    Protestantismo é uma heresia. judaísmo é uma heresia, islamismo é uma heresia, comunismo é uma heresia, Nova era mundail é uma heresia.
    A mentalidade de todas elas doutrinas heréticas é egoística e Deus nao abençoa, nem inspira mentalidades egoísticas.
    Nenhuma destas ideologias heréticas vao trazer resultado para nossa civilização. Muito pelo contrário! Vao degenerar todos os sstemas benéficos que exitem no mundo atual e vao desestruturar destrutivamente qualquer sistema que estas ideologias infiltrarem.

    A propósito: O pendurado ressucitou e tem um exércitos de Anjos de Deus com ele que inspira e auxilia os verdadeiros cristao.
    O Anjo da Morte que matou as criancas do Egito que você chamam na Pascoa é o Demônio.
    Que dá vantagens materiais por alguma tempo e retira tudo de novo algum tempo depois. Só para atrair e tentar a alma humana por algum tempo e testar a sua fraquesa.
    No Holocastro nenhum anjo protegeu nenhum dos 6 milhões de judeus que morreram na 2° Guerra Mundial. Nao está ajudando Israel atualmente e na próxima guerra mundal já está profetizado que várias, nacoes e países, vao desaparecer da face da terra sob o poderio das amas militares super modernas da atualidade!

    ResponderExcluir
  2. O Templo de Salomão, da IURD, nao é por necessidade nossa. Os rituais, "sacerdotes", objetos, considerando a própria Arca da Aliança peresente neste Templo, não substituem a realidade do Templo de Israel, mas apenas representa valores bíblicos para nós cristãos, que cremos no Deus de Israel - Jeová, YAWE - YHWH.

    ResponderExcluir
  3. Especulações, especulações.
    Vamos aos fatos:
    A visão do profeta Ezequiel refere_se a um templo que seria erguido na banda sul ou hemisfério sul, isso é fato; (edifício de cidade para a banda do sul);
    A visão traz coordenadas geográficas que indicam a América do Sul como o lugar onde o Templo seria erguido (um monte muito alto para o sul / latitude e naquele mesmo dia / longitude;
    O ano mencionado ( décimo quarto ano / 2014);
    O Templo seria maior (uma cana de medir de 6 côvados sendo que o côvado era de um palmo a mais)
    A leitura indica até os sacerdotes picaretas da Universal à frente do culto;
    Fica evidente tratar_se de um templo cristão;
    Talvez você creia, talvez não creia, mas é essa a verdade sobre o Templo de Salomão.
    No mais, sugiro que você faça um estudo mais aprofundado da Bíblia e busque a humildade e se arrependa de sua maldade.
    Não tenha por imundo o que nosso Deus tornou santo em Cristo Jesus.
    Jesus te ama

    ResponderExcluir
  4. Talvez você creia, talvez não creia, mas o Templo de Salomão construído no Brás cumpre uma profeia bíblica e precisa ser analisada à luz da palavra de Deus.
    Estudando cuidadosamente o livro de Ezequiel nós vamos perceber que o profeta viu o Templo.
    Ezequiel 40 npão deixa dúvidas naqueles que entendem coincidências não existem.
    Confira algumas evidências:
    O Templo foi visto no ano 14;
    O Templo era no hemisfério sul, sul distante (monte muito alto, para a banda do sul) alta latitude;
    O Templo era na América do Sul (naquele mesmo dia) baixa longitude.
    Era um Templo maior (a medida usada era o côvado e cada côvado tinha um palmo a mais.)
    Isso é um pouco de tudo o mais "coincide".
    Os versos que seguem até o fim do livro trazem muitos detalhes que ratificam o Templo da Iur, inclusive dos levitas picaretas da Universal, igreja que tenho visitado nas últimas semanas.
    Talvez você creia, talvez não creia, mas observe bem, sem paixão e sem soberba. A palavra revelada é um mar de cristal.

    ResponderExcluir
  5. Eu creio em Deus e sei que é vindo o seu Reino; e que será também daqueles o amam. Ele usou o burrinho em outras ocasiões, mas nem todos viram a sua glória.
    O Templo é o modelo de Deus para o Judeu, conforme a visão de Ezequiel, e o modelo do Templo é: Jesus Cristo é o Senhor.
    Maranata!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato