background img

SBT insere mensagens subliminares durante sua programação

Vocês repararam que o SBT está colocando umas imagens de produtos jequiti e da novela Carrossel para piscar na tela durante a programação normal? Ou seja, Mensagem subliminar...

Isso é proibido, porque esse tipo de mensagem afeta sua memória sem que você perceba! Mas vamos ver o que na verdade são mensagens subliminares

Descrição de mensagem subliminar

É qualquer tipo de estímulo captado pelo cérebro humano de modo não consciente. Em outras palavras, são mensagens que entram nas nossas cabeças sem percebermos. Alguns especialistas acreditam que subliminares não existem, mas outros garantem que estamos cercados por estímulos “fantasmas” – visuais e sonoros, principalmente. Os exemplos mais evidentes de mensagens subliminares são frases e imagens inseridas no meio de filmes tão rapidamente que não se consegue captá-las conscientemente. Muitas vezes fica a dúvida se você viu alguma coisa ou não, mas seu cérebro certamente captou a mensagem.

O limite entre a percepção consciente e inconsciente é incerto, mesmo porque varia de pessoa para pessoa. “Eu trabalho com o limite de 1 frame (0,04 segundo), mas os ingleses aceitam até 3 frames (0,12 segundo)”, diz o publicitário Flávio Calazans, professor da Faculdade Casper Líbero e autor do livro Propaganda Subliminar Multimídia. Talvez daí venha a autorização do SBT em vincular a imagem: o tempo. Demora quase 1 segundo, sendo perceptível ao telespectador atento. O distraído apenas vai ver um piscar na tela.

Um caso famoso é o do publicitário Jim Vicary, que, em 1956, inseriu as mensagens “Beba Coca-Cola” e “Coma pipoca” entre as cenas de um filme, o que teria aumentado o consumo do refrigerante em 57% e o de pipoca em 18% na saída do cinema. Especialistas consideram esses números um pouco exagerados, mas poucos negam o poder publicitário das subliminares, principalmente com produtos já conhecidos e de baixo valor.

No Brasil, as leis não proíbem esse tipo de estratégia, embora o Código de Defesa do Consumidor dê espaço para processos se você se sentir enganado. Já nos Estados Unidos e na Europa, as leis são mais rigorosas. Em 1973, por exemplo, a Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos tirou do ar o filme publicitário do jogo Kusher Du sob a acusação de contrariar o interesse do público ao piscar várias vezes, em frações de segundo, a expressão “Compre-o”.

Mas segundo o Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) tem posição neutra no caso da Mensagens inseridas nas programações do SBT, e não pensa em tomar qualquer atitude.

Veja alguns exemplos nos videos abaixo:







Fontes: Revellati Online , Ah Dúvido

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato