background img

Documentário: A Educação Proibida

Artigo Relacionado : Educação Proibida, Enburrecimento Deliberado

“Se estimula muito as crianças a competirem entre elas. Os melhores alunos tem reconhecimento, tem prêmios. Aquelas crianças que não se saem bem nos exames são chamadas à atenção. Em muitos casos nem sequer são levadas em conta. Todo mundo fala de paz, mas ninguém educa para a paz. As pessoas educam para a competição e a competição é o princípio de qualquer guerra.” “O que faz com que o estudante fracasse na escola ?  Não é o estudante quem fracassa, é o sistema que está mal planejado. É que as reformas educacionais atuais, em voga em muitas partes, estão mal enfocadas.” “As escolas e os colégios da América Latina não são mais do que espaços de tédio e aborrecimento. Eu sempre os convido a passar pelos colégios para que vejamos uma caricatura que tem que acabar. É um professor em frente a um quadro negro ditando aulas, em pleno século 21, isso não tem sentido.”

La Educación Prohibida — A Educação Proibida –, da um olhar mais profundo ainda nas raízes do sistema de ensino atual e fornece uma perspectiva histórica de como o sistema patrocinado pelo governo tem destruido as mentes de todos milhões por centenas de anos.

O filme é narrado em espanhol, mas também fornece legendas em Inglês e Português. Você pode assistir o filme La Educación Prohibida abaixo. No esqueça de passa-lo para tantas pessoas quanto seja possível.



Fonte: Documentarios Varios

2 comentários: Leave Your Comments

  1. http://www.youtube.com/watch?v=6t_HN95-Urs

    ResponderExcluir
  2. O documentário “Educação Proibida” é a mesma xaropada da educação marxista que fala na "valorização das expressões culturais que os alunos trazem de suas comunidades", fala na liberdade, fala nas trocas de experiências, os professores devem se nivelar aos alunos, e outras “inovações” escabrosas...

    Graças a esse tipo de pedagogia, os bailes funks, as drogas e a putaria em geral está invadindo as escolas brasileiras; brigas são constantes, muitas meninas brigam até mais do que os homens e, vez por outra, são os professores que levam na cara...
    ISSO NÃO É EDUCAÇÃO. É UM LIXO QUE OS COMUNISTAS ESTÃO COLOCANDO NA CABEÇA DA NOVA GERAÇÃO...
    Mas, fazer o quê? É o país da Dilma, do Lula, da Marta Suplici... E só vai começar a se 'endireitar' quando os socialistas forem chutados do poder.

    Na verdade, qualquer escola que preste, vai priorizar a questão de disciplina e nunca vai empurrar essa lorota de ser menos competitivo (conversa socialista das mais velhas e fracassadas...) porque isso é da natureza humana. A questão é trazer justiça, o quanto possível, para as competições que são inerentes a vida, e que são SAUDÁVEIS.

    A competição é um dos principais fatores do desenvolvimento humano e está em quase todos os aspectos de nossas vidas, pois é competindo que se aprende, é competindo que se tem lazer ou esportes (imaginem esportes sem competição...), é competindo que se vai para o trabalho ou que se conquista a pessoa amada...

    Querem diminuir a importância da competição na vida? Como fazer isso se não for apenas pelo velho engodo do socialismo “bonzinho”?

    Eu vou lhes dar só um exemplo de como é bondoso o socialismo ‘verde, ’ do mesmo tipo que se promove no documentário em questão, que se preocupa tanto com a colaboração entre as pessoas e com a proteção dos vegetais:

    É com o pretexto de defender as florestas e os índios, que incontáveis ONGs internacionais, com a cumplicidade dos bondosos esquerdistas tupiniquins, estão tomando conta da Amazônia brasileira, onde existem riquezas incalculáveis a serem “defendidas”.
    Na realidade, esses canalhas estão para dar o golpe final através da convenção OIT 169, que foi ratificada pelo Lula (que também não gosta de competição...), e que tem prazo até 24 de julho próximo para ser revogada por ninguém menos que Dilma, sob pena de gravíssimos problemas, com possibilidade de PERDA DE EXTENSAS ÁREAS e até GUERRA CIVIL...

    Documentários como “A Educação Proibida”, que fazem referência a problemas sociais, falam de altos índices de violência e se propõe a contribuir para a resolução de tais problemas, na verdade fazem parte da própria origem desses mesmos problemas, que resultam de décadas de uma revolução gramscista que, infelizmente, se mostrou muito eficaz no Brasil; mas este é apenas mais um dos temas que não se encontram nas atuais escolas, ou que são apresentados de forma completamente distorcida...

    Venho lembrar também, para quem tem filhos em escolas que, desconsiderando os graves problemas que enfrentamos, defendem ardorosamente “os frascos, os comprimidos e as plantinhas (...),” que esse movimento verde (política das mais perversas em sua origem) anda de mãos dadas com o movimento gay, que está atuando com total liberdade no Brasil e continua afiando as garras para intensificar o “ensinamento de suas teses” nas escolas...

    Julio Neto
    facebook.com/CentraldaDireita

    Segue um link, para quem esteja pensando em manifestações no Brasil:
    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=846041758742701&set=a.776233642390180.1073741828.100000106539528&type=1&relevant_count=1

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato