background img

O passe livre rumo à uma nova ordem mundial

Resumo da notícia: “Alckmin e Haddad decidem voltar tarifa de ônibus e metrô para R$ 3 – Após negociação entre os governos municipal e estadual, a tarifa de ônibus e metrô de São Paulo voltará a custar R$ 3. O anúncio será feito pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) e pelo prefeito Fernando Haddad (PT), na noite de hoje, no Palácio dos Bandeirantes….”

Se isso realmente acontecer, pois temos dois governantes especialistas em mentiras, o movimento passe livre teve uma vitória. Mas esse jogo político vai muito além de uma manifestação contra o aumento de R$.0,20 na passagem de ônibus. O que está acontecendo aqui é a tentativa de implantar um novo sistema político chamado de democracia líquida no Brasil, por isso o evento se torna um grande atrativo para a aliança entre PT e o PSDB. É por isso que essa manifestação foi publicada até no NY Times (link no final do post).

Acredita-se que a democracia líquida tenha sua origem nos ensinamentos de Alexander Hamilton (1755- 1804) , secretário do tesouro americano durante o governo de George Washington. Esses dois homens foram maçons e essa revelação “divina” surgiu através da iniciação nos mistérios maiores de seus ritos, mesmo não sabendo quem era o prometido de todas as eras, eles obedeceram à risca os ensinamentos do cristo cósmico Baha’u’llah para a indicação de lideranças que participarão do parlamento mundial como descrito no livro Bahá’i abaixo:

“…Tal estado terá que incluir dentro de seu campo de ação (…) um Parlamento Mundial, cujos membros serão eleitos pelos povos de seus respectivos países, e cuja eleição será confirmada pelos respectivos governos…” (Shoghi Effendi – A Ordem Mundial de Baha’u’llah)

E assim, os libertários de todo mundo como o partido pirata alemão, o partido local suéco Demoex, e a Listapartecipata começaram a promover manifestos como o passe livre. O objetivo é implantar a nova forma de votação para eleger os representantes do futuro parlamento mundial de Baha’u’llah que surgirá após a reforma da ONU. Isso em política global já na local a meta é anular o contato entre legislativo e governo.

O movimento passe livre está interligado com grupos de mídia como a “Ciranda Integral de Comunicação Compartilhada” ( O nome e as pessoas laranjas do esquema podem variar muito na medida em que são descobertos) . Abaixo temos uma tela capturada do site para que o leitor possa entender a ligação desse [1] movimento libertário global com a ONU :


No lado direito temos uma nota sobre o movimento do passe livre e no lado esquerdo menus para outros temas libertários globais da ONU como a questão da palestina, fórum social e cúpula dos povos.

O Brasil também possui o partido pirata que defende a democracia líquida. Nessa democracia o eleitor transfere o seu voto para um delegado qualquer de pessoas e essas por sua vez transferem para outras, por exemplo: O movimento passe livre convocou várias pessoas para se manifestarem, porém apenas dois representantes apareceram na mídia e negociaram com o governo. Segundo a teoria, isso pode acontecer de forma rotativa, anulando assim o contato entre poder legislativo com o governo, pois os representantes mantém um diálogo direto. E assim, outras causas “sociais” como a agenda gay ( e até morte aos cristãos por não respeitarem a diversidade) que é muito defendida pelos piratas do Brasil .

No caso do movimento passe livre isso foi algo local, mas no futuro teremos leis cruéis internacionais que serão sancionadas pelo executivo mundial (vulgo anticristo) juntamente com esses movimentos. Nunca se esqueça que para implantar a política amarga é necessário implantar primeiramente algo doce como essa falsa justiça.

Observe que o movimento libertário se transformou em Bahá’is. O que foi feito para eles é a ocultação do caminho capitalista que aconteceu através da maçonaria. Se o espectro do comunismo descrito por Karl Max pairava sobre a Europa, muita mais forte é o espectro do bahaismo em unificar os povos, pois através dos ensinamentos de Baha’u’llah uma ideologia capitalista vira comunista-libertária e vice-versa.

Até mesmo entre os governos do PT e PSDB existem essa aliança. Recentemente, o governador de São Paulo (PSDB) e o prefeito (PT) estavam em Paris tentando fazer com que a Expo 2020 (algo tão distante ainda) seja realizada aqui.

Nesse evento serão debatidos temas referente a administração da economia divina de Baha’u’llah (vulga marca da besta) e quais ajustes deverão ser feitos. Ora, quem apresentará as novas leis econômicas? Não tenha dúvida que será essa nova forma de fazer política chamada de democracia líquida.

Referências:

[1] – A ligação entre o MPL e a Ciranda Integral podem ser encontrada no site de registro.
http://www.rlmad.net/art-tema/31-artigos/225-mac-hist-amer.html
http://www.ciranda.net/auteur2445.html
http://br.noticias.yahoo.com/blogs/vi-na-internet/uma-entrevista-com-os-l%C3%ADderes-movimento-passe-livre-211937835.html
http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/06/1297883-alckmin-e-haddad-decidem-voltar-tarifa-de-onibus-e-metro-para-r-3.shtml
http://www.nytimes.com/2013/06/20/world/americas/brazil-protests.html?ref=world&_r=0
http://www.saopauloexpo2020.com.br/?page_id=401

Fonte:
Apocalipse Total

| Enviar artigo para um amigo |

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato