background img

Orgonite, o que é? pra que serve? como fazer?

O que é a Orgonite?

O termo "orgonite" foi primeiro usado por Karl Welz para designar a sua mistura de metal-resina-quartzo em meados da década de 90. A tecnologia de Welz é diferente até da mais simples "orgonite táctica" sendo que Welz usa particulas de metal muito finas e quartzo em pó.

Um par de anos mais tarde Don Croft, enquanto fazia experiências com acumuladores de orgone pelo modelo de Reich, ouve falar de uma amigo sobre a tecnologia de Welz e começa a fazer as suas próprias experiências. Estas experiências culminam em 2001 quando Don e Carol Croft fazem um simples HHG (Granada Sagrada) a primeira peça de tecnologia orgonite, tal como é mais conheciada hoje em dia.

No início Don Croft nem sequer chamou a sua technologia "orgonite" mas mais tarde o termo ganhou uso por ser fácil de usar e concentrar o significado. Hoje em dia quem usa o termo "orgonite" refere-se normalmente à "orgonite táctica" de Don Croft.

Orgonite é uma nova classe de material composto de uma mistura de partículas metálicas suspensas em um meio orgânico, por vezes combinados com cristais de quartzo ou outros minerais. Sua propriedade básica é atrair e converter energia etérica negativa em energia etérica saudável e equlibrada. Esta energia é denominada Orgônio.

Qualidades atribuidas ao orgonite:
  • É simples. fácil de fazer e trabalha continuamente
  • Muda a energia negativa para energia positiva
  • Diminui o efeito negativo da radiação eletromagnética emitida por computadores, TVs e celulares
  • Intensifica e melhora a qualidade da meditação
  • Purifica a atmosfera, energiza e limpa a água
  • Ajuda as plantas a crescer melhor precisando de menos água
  • Inspira comportamento agradável, equilibrado, alegre e feliz
  • Melhora a qualidade do sono, frequentemente cura insônia e pesadelos crônicos
  • Ajuda a despertar capacidades psíquicas inatas

O que é o Orgone?

O Orgone está em todo o lado é energia vital, também chamado de Chi na medicina chinesa ou Prana no Induismo. A expressão Orgônio foi criada pelo médico austríaco Dr. Wilhelm Reich, o qual dedicou parte de sua vida ao estudo e aplicacoes desta energia. O Orgônio já recebeu diversas denominações como energia etérica, energia astral, bioenergia, cor radiestésica, energia biomagnetica, magnetismo animal, fluido vital, energia radiônica e muitos outro nomes.
Está na atmosfera, nos rios e no mar, na terra, nas plantas, animais e também nas pessoas.

A descoberta do Orgone

O Dr. Wilhelm Reich (1897-1957) teve uma rica tragetória que o levou desde a Psicoanálise, passando pela Biologia e pela Física. Ele tinha tentado encontrar uma cura, durante anos, para aquilo que a partir de certa alura considerou ser o maior flagelo da Humanidade - o cancro. Reich considerava os tumores como o último dos estágios de uma doença que se manifestava na pessoa já desde à anos, com simtomas aparentemente não-relacionados com o cancro, como os desequilíbrios psíquicos.

A certa altura começou a fazer experiências com infusões de água e outras substâncias orgânicas tais como relva, areia, carvao etc. que resultaram na desintegração da matéria orgânica em pequenas vesículas, não ainda amebas mas de facto num estado entre a matéria não-viva e os mico-organismos vivos para os quais mais tarde se desenvolveriam. Reich chamou-lhe bions.

Reich descobriu que submeter bions à esterilização e a temperaturas nenhuma outra criatura poderia sobreviver não os matava! Estes bions produziam uma intensa luz azul e congregavam enventualmente em grupos que - inacreditavelmente - mais tarde se transformariam em protozoários como a ameba ou o paramécio.

Reich também descobriu que podia obter enormes quantidades de vesículas bion se primeiro aquecesse a matéria orgânica (por exemplo sangue) ou inorgânica (por exemplo areia do mar) com temperaturas muito altas e depois as imergisse num medium líquido especial. Este procedimento possibilitou a "libertação" de grandes quantidades de bions a partir dessas substâncias, que estavam agora disponíveis para formar novos organismos vivos.

Através da observação persistente Reich apercebeu-se que era a energia Orgone que dava aquela luminosidade azul e permitia a biogénese dos bions. Ele descobriu que a energia orgone permeia não só tudo aquilo que vive, mas que também se encontrava em substâncias não-vivas (como areia, carvão, terra) e está presente em toda a parte na atmosfera, sendo o Sol o maior "productor" de energia orgone.

Reich descobriu que o cancro não é mais do que a fome prolongada de energia vital na pessoa afectada. Desta maneira os tumores nada mais são do que o estado já muito avançado de uma doença que ele considerava afectar milhões.

A história dos experimentos do Dr. Reich é fascinante e eu recomendo que leiam o seu livro em dois volumes: "A Descoberta do Orgone".

O Orgone é provavelmente a mesma energia chamada de "prana" na cultura indiana e "chi" na cultura chinesa.

Como a Orgonite influencia o Orgone ?

Com Reich aprendemos que de um modo geral o metal repele o Orgone enquanto as matérias orgânicas o atraem. Os seu Aumuladores de Orgone, normalmente caixas feitas de camadas alternadas de metal e material orgânico simplesmente atraíam para dentro de si o orgone, onde o concentravam, sem mecanismo de descarga ou possibilidade de transformar Orgone Negativo em Orgone Positivo.

A Orgonite mudou isso.

Tem sido observado por pessoas sensíveis (psíquicos) e eu posso confirmar pela minha experiência subjectiva que a Orgonite efectivamente absorve o Orgone Negativo enquanto gera Orgone Positivo. Mas até ser construído uma aparelho que observe e possa medir directamente o Orgone eu não posso realmente provar que assim é. Para mim é suficiente que funciona.

No entanto... (em Inglês) http://www.whale.to/b/gifting_effects.html

*parte do texto sobre as experiências de Reich com bions foi emprestada do site educate-yourself.org - obrigado Ken Adachi por sintetisar tão bem estes factos.

A minha orgonite chegou ontem e desde então tenho me sentido doente, febril, desorientado, nervoso, etc.

Tem sido observado algumas vezes que em pessoas muito afectadas por Orgone Negativo, quando em proximidade da orgonite, podem inicialmente sofrer estes efeitos aparentemente contraditórios: a pessoa pode sentir-se doente, inquieta, etc. Esta condição é rara e dura normalmente não mais do que uns dias. O que acontece é que a pessoa afectada está a ter um período de adaptação à influência forte da Orgonite.

Qual é a diferênça em termos de resultado entre a orgonite feita com latão e a que é feita com alumínio?

Que eu saiba, nenhuma. Vende-se orgonite de latão porque pode haver pessoas que a prefiram pela estética. A diferênça de preço é relamente por causa da diferênça nos custos dos dois materiais. O cobre, por outro lado, é geralmente aceite como um dos melhores materiais com que fazer orgonite (de momento ainda não encontrei onde comprar limalhas/aparas de cobre).

Então e os chemtrails?

Os chemtrails estão a ser descritos como perigosos para a saúde (para que nos esqueçamos de distribuir orgonite pela armas radiónicas descritas na pergunta anterior) quando na realidade não são perigosos para a saúde desde 2002. Assim que as antenas telémovel, etc. numa área forem "tratadas" com orgonite já não é preciso preciso preocupar-se muito com os chemtrails. Depois de uma área ser "orgonizada" os chemtrails servem principalmente de referência para saber se é preciso mais orgonite: os chemtrails em áreas bem "orgonizadas" tendem a dispersar-se com bastante rapidez a não ser que estejam ser largados muitos e em sucessão.

No que respeita à distribuição de orgonite, quais sao os locais mais urgentes?

Eu sugeria que começasses com a tua zona e abrisses uma área orgonizada de uns 2-3 kilómetros quadrados (ou mais). A intuição e experiência vão permitir-te reconhecer até onde deve ir esse circulo de orgone positivo. Assim crias um espaço mais protegido para onde podes voltar e sentir-te bem. Tenta também ter orgonite nos sítios onde passas no dia-a-dia.

Em termos de "local específico", as torres/antenas dos telemóveis e as antenas retransmissoras de TV e Rádio são o mais importante (assim como qualquer technologia similar tal como os "radomes"), a seguir vêm os locais de culto (católicos, mas também megalíticos por exemplo). As antenas porque só por si fazem muito mal (energeticamente e à atmosfera) e os locais de culto porque estão sempre sobre linhas de energia, quer estejam "limpos" ou não.

Instruções Para Fazer Orgonite

As instruções seguintes não representam a única maneira de fazer orgonite, muito pelo contrário: quase todos os sites sobre orgonite contêm instruções ou links para sites com instruções. No entanto é de nota que todos os diferents tutoriais com instrucções para fazer orgonite são muito parecidos.

O local: *qualquer sítio ao ar livre que tenha um chão plano e nível ou uma sala com boa circulação de ar (a resina, especialmente poliéster, tem um cheiro muito activo que também não é muito saudável).

O equipamento:
*luvas (de látex)
*máscara com filtro
*sacos do lixo
*pau ou colher velha para mistura
*recipiente transparente com medidas

(e para a limpeza da resina)
*papel higiénico ou de cozinha
*farinha
*acesso a água corrente (lavatório, etc)

Todos os elementos desta lista pode ser obtidos em supermercados, drogarias, lojas para serralharia e lojas onde se venda resina.

Ingredientes da orgonite:

Resina de poliéster ou epoxy
Vende-se em lojas especializadas. A resina é usada normalmente na reparação de barcos, mas também de carros e motas/lambretas, assim como para fazer arte.
É o elemento mais caro da equação - um TB básico não custa normalmente menos de 60 eurocêntimos de resina de poliéster.
A poliéster quando curada terá endurecido para uma côr que varia entre o verde e o castanho (depende da quantidade de catalizador usado e/ou o tipo de metal - penso eu) e a epoxy é transparente - e mais cara (cerca 1.5 vezes).
Se comprar em quantidade fica quase certamente mais barato.

Aparas de metal
São normalmente encontradas em serralharias, ferro-velhos ou de preferência em "armazêns" que façam negócio com a reciclagem de metal. O que é preciso são aparas - qualquer metal servirá embora o alumínio, pelo preço, seja a melhor escolha para fazer orgonite simples. Poderá querer usar aparas de cobre em espiral para as peças de uso pessoal já que aparentemente tem uma melhor fluidez da energia orgone.

Aqui estão algumas aparas de cobre


E aqui de alumínio


(embora possa dar a ideia destas aparas serem também em espiral, só algumas o são - esta "colheita" particular tinha várias formas misturadas)

Claro que se a única coisa que consegue arranjar são pedaços de metal "em bruto", não desanime - se sentir que os pode usar, então faça-o, mas tente que caiba tanto metal no molde quanto possível, mesmo que algum fique de fora (embora não passe sem a resina, o metal é o verdadeiro "motor" do orgone)

Cristais de quartzo

São normalmente encontrados em lojas de artigos "new age" e em alguns mercados onde se venda o mesmo tipo de artigos (espanta-espíritos, pirâmides, amuletos, livros esotéricos, etc). Também se pode encontrar quartzo em lojas especializadas em pedras preciosas e semi-preciosas (lojas do domínio da geologia) mas estas são mais raras e difíceis de encontrar.

Para o TB, o tamanho do quartzo não é importante (nem a forma) - quanto mais pequenos, melhor: serão provavelmente mais baratos. Para o HHG tente encontrar cristais de 2-4 centímetros de comprimento e 1 de largura, com uma das pontas (extremidades) bem definida.

Aqui estão alguns cristais de quartzo para uso em TBs:


Repara como eles estão longe da "perfeição"... mas servem perfeitamente! À direita da moeda está um pequeno quartzo perfurado que fazia parte de um colar de cristais quartzo semelhantes, alguns dos quais foram já usados para fazer TBs. Os que não foram usados estou a guardá-los para uma emergência ;-)

Nota: O TB e o HHG são feitos "de pernas para o ar". Ou seja, a parte de baixo do molde vai acabar por ser o topo da peça e vice-versa. Isso não é importante com o TB, cuja energia é espalha em todas as direcções com a mesma intensidade, mas mais no caso do HHG, cuja libertação de energia é concentrada principalmente na ponta.

O Tower Buster ou TB (Caça-Antenas)

Para isto vamos precisar de um molde de silicone para fazer queques (muffins). Estes moldes também se podem encontrar feitos de teflon anti-aderente, mas pelo sim pelo não, besunte um pouco de azeite por toda a superfície onde vai estar resina para que não se cole. Como último recurso pode usar copos de papel (de plático não, que se derretem no processo de cura da resina) e não se preocupe se não conseguir remover depois todo o papel dos seus TBs - energeticamente não faz diferença nenhuma.
Quando escolher um molde para queques (ou outras doçarias) tenha em conta que o orgone gosta especialmente de formas redondas ou circulares mas não se preocupe - o molde típico para fazer queques serve perfeitamente e é o mais utilizado.

Rasgue o saco do lixo e abra-o até este passar a ser uma só superfície e ponha-o no chão, a fazer de toalha. Isto vai ser a sua área de trabalho por isso ponha tudo o que vai precisar em cima do saco. Use dois sacos lado a lado se for necessário (estes precauções são para evitar acidentes com a resina).

Tenha preparadas as aparas de metal, escolhidos os quartzos, e a resina + catalizador à mão, preparados para a mistura, assim como um recipience transparente onde misturar a resina e um objecto longo para a mexer (pode ser um pau our ramo de árvore, uma colher velha de madeira, etc) para conveniência da comunicação vou-lhe chamar "colher".

Ponha um quartzo em cada molde


Ponha aparos de metal em cada molde até mais ou menos metade


Ponha as luvas e a máscara.

Misture a resina no recipiente de acordo com as instruções da embalagem ou recebidas na loja onde comprou a resina. O catalizador é normalmente 2-3 por cento no caso da poliéster, e um terço no caso da epoxy.

Para um TB de alumínio vão ser precisos entre 60-90 ml de resina já catalizada, dependendo de quão compacto é o metal que está a usar.


Misture a resina com o catalizador durante 1-2 minutos. Uma vez que lhe apanhe o jeito vai saber mais intuitivamente quando é que já chega de mexer a colher.

Agora tem à volta de 30 minutos antes que comece a endurecer a resina (para informações mais precisas consulte a embalagem ou a loja)

Deite a resina nos moldes com cuidado até estar à altura que pretende que seja o tamanho dos TBs.


Use a colher para mexer o metal na resina e espalhá-la por todos os "cantos".

Continue a adiccionar metal e a empurrá-lo para baixo até que tudo fique bem compacto e não haja muito mais espaço para pôr metal.

ota: normalmente deixa-se uma pequena camada, apenas de resina, no final (no que vai acabar por ser a base do TB). Eu pessoalmente prefiro adicionar aos TBs tanto metal como possível (fazendo os TBs ligeiramente mais fortes). A regra geral é de que o TB deve ser, em peso, metade resina e metade metal mas eu simplesmente não a sigo e tem resultado bem.

Pode agora remover as luvas e a máscara.

Deixe os TBs a curar (se está num espaço interior, certifique-se de que há boa passagem de ar). O tempo total de cura não deverá ser superior a 12 horas, mas pelo sim pelo não pode deixa-los nos moldes por um dia inteiro.


A resina deve ser usada normalmente em temperaturas de 18-25 graus (esta informação está quase certamente na embalagem).

Quando os TBs estiverem prontos, retire-os dos moldes e ponha onde lhe paracer melhor, ofereça aos vizinhos ou mesmo ao mundo!

Nota: O cheiro da resina de poliéster desaparece ao fim de alguns dias de estar ao ar (devidamente ventilado).

Tudo o que não for para uso posterior ou reciclável pode ser deixado no saco e com este metido no lixo.

Acidentes com a resina

No lavatório use a farinha na resina que se tenha pegado aos braços. Esfregue-a na resina como se estivesse a usar café moído para tirar manchas de óleo ou gordura. Depois lave com água.
Use papel higiénico ou de cozinha para remover qualquer resina que tenha caído no chão e remova o resto com farinha. Limpe depois normalmente como se fosse sujidade normal.



Referencias:
Orgonite-brasil , Youtube/TheMorpheusbrasil

Fontes:
Orgonite-portugal.blogspot , Orgonite-portugal.com


6 comentários: Leave Your Comments

  1. CUIDADO ORGONE É UMA ARMADILHA DO DIABO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se orgone é uma armadilha do Diabo a igreja é oque?Pelo que sei é pior pois agradam a Deus fazendo oque o Diabo gosta e dizem que são libertos sendo escravos do dinheiro,pelo que eu sei o verdadeiro filho de Deus que vive eternamente nunca foi escravo do dinheiro como é todas as igrejas que existe atualmente Ele ensinou um estilo de vida a muito tempo abandonado pelos humanos pelo que observo,então melhor nunca defender nada e observar tudo.

      Excluir
  2. O que é armadilha do diabo é essas micareta que você vai comédia!

    ResponderExcluir
  3. Se orgone é armadilha do Diabo a Igreja é o que? É pior pois agrada a Deus fazendo o que o diabo gosta,pois são todos escravos do dinheiro e andam dizendo que é filhos de Deus que hipocrisia é maior fala ai?

    ResponderExcluir
  4. São ótimas comprei hoje e estou muito feliz . Mal não faz .

    ResponderExcluir
  5. Toda ignorância é armadilha do que precisa alcancar a verdade ;)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato