background img

Wikilekas: Anonymous rompe "parceria" e Wikileaks mostra sua verdadeira face

Hackers ficaram revoltados com a inclusão de banners e pedidos de doação na página da WikiLeaks.

Estamos aqui no blog a algum tempo batendo na tecla, que estas ONG's e sites do mesmo estilo do Wikileaks ou mesmo o Anonymous fazem parte do sistema de controle dos Illuminati. Está mais que claro que o wikileaks fazem parte do sistema, visto que ele podem até ter liberados documentos, mas não documentos de relevancia grande e impactante a cerca do controle destas organizações na vida das pessoas. Mas oque parece a parte do anonymous que não é infiltrada rompeu a "parceria" ao WikiLeaks e chegou ao fim. Por meio do Twitter, os hackers afirmaram nesta semana que não estão mais apoiando o site criado por Julian Assange por não concordar com as diretrizes definidas por ele. Ou seja a parte que não é controlada diretamente pelos Illuminati "acordaram".

Há alguns dias, a WikiLeaks passou a exibir um banner em sua página inicial, solicitando doações para manter o site. Para acessar o conteúdo, é preciso pagar quantias que variam de US$ 15 a US$ 100 (algo entre R$ 30 e R$ 200). Ironicamente as doações podem ser pagas via cartões de crédito Mastercard e Visa, empresas que já boicotaram a WikiLeaks.

Outra forma de acesso solicitada é o compartilhamento da informação, seja via Twitter ou por meio de outras redes sociais, como o Facebook. “Vazamentos agora somente por pagamentos? Ficaram totalmente loucos ou passaram para o lado da Suécia?”, destacou o Anonymous em sua mensagem. O grupo sugeriu ainda que seja feito um boicote ao site. Pois bem como sempre digo desconfie tudo não confie em ninguém..


Referências:
http://pastebin.com/Juxb5M26

https://twitter.com/AnonymousIRC/status/256193705130733568

Fonte:
http://www.midiailluminati.com/2012/10/wikilekas-anonymous-rompe-parceria-e.html

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato