background img

Surto de vírus fatal preocupa os EUA

O Centro Federal de Controle e Prevenção de Doenças norte-americano (CDC) advertiu na sexta-feira que dez mil pessoas são susceptíveis de terem contraído um vírus mortal durante a sua estada no Parque Nacional de Yosemite - Signature Tent Cabins (no acampamento Curry Village), na Califórnia, este verão.

Pelo menos seis casos de síndrome pulmonar por hantavírus (SPH), doença transmitida pela saliva ou urina animal, foram confirmados e outros casos potenciais estão a ser acompanhados. Duas das pessoas infectadas morreram.

As vítimas tinham em comum o fato de terem ficado no mesmo alojamento no parque.
O Serviço Nacional de Parques tentou contactar as 2.900 que tinham reservado uma estada no acampamento entre 10 de Junho e 24 de Agosto.

O CDC estima que o parque foi visitado por 10.000 pessoas durante aquele período, número que inclui as 2.900 que efectuaram a reserva e familiares e amigos que os acompanharam.

O CDC pediu a qualquer pessoa nessa situação para fazer exames médicos em caso de experimentar algum sintoma associado ao síndroma pulmonar por hantavírus (HPS, na sigla em inglês), uma infecção pouco frequente, mas que pode chegar a ser fatal, sendo disseminada por ratos.

Os sintomas são fadiga, febre, dores musculares - especialmente nas coxas, nos quadris e costas -, dor de cabeça, calafrios, enjoos, náuseas, vómitos, diarreia, dores abdominais e dificuldades para respirar.

Os roedores expulsam o vírus através da urina, dos excrementos e da saliva. Segundo o portal Medline Plus, pequenas gotas com o vírus podem flutuar no ar e os humanos podem contrair a doença se respiram esse ar infectado ou entram em contacto com os roedores ou seus excrementos.

Embora não exista cura contra o hantavírus, o tratamento após uma pronta detecção pode salvar vidas.

"Quanto mais se detectar e se receber o tratamento, maiores são as possibilidades de sobrevivência", disse a médica Vicki Kramer, do Departamento de Saúde Pública americano.

Em 2011, metade dos casos detectados de hantavírus nos EUA acabou em óbito. Desde 1993, quando o vírus foi identificado, a média das mortes em casos detectados é de 36%, segundo o CDC.

Fontes:
http://kafekultura.blogspot.com.br/2012/09/10000-pessoas-podem-ter-contraido-o.html 

http://www.bbc.co.uk/portuguese/ultimas_noticias/2012/09/120831_virus_yosemite_lk_rn.shtml

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato