background img

Na Rio+20, França vai insistir por governança mundial do meio ambiente

TÍTULO DE REPORTAGEM: VINTE ANOS DEPOIS DO RIO, A TERRA SEM GOVERNANÇA
FOTO / LIBÉRATION
O jornal Libération publica nesta sexta-feira uma grande reportagem sobre a falta de governança mundial nas questões de meio ambiente. A França vai insistir para que a conferência Rio+20, sediada no Rio de Janeiro em junho, resulte na criação de uma Organização Mundial do Meio Ambiente, no âmbito das Nações Unidas.

A ideia não é nova, destaca o Libé, e vai estar no coração dos debates do evento, ao lado do chamado "crescimento verde". A falta de governança, destaca a reportagem, resultou em mais de 500 acordos e 5 mil decisões desde a primeira conferência mundial do gênero, a Eco-92. Porém, apenas 60 países (menos de um terço do planeta) assinaram algum tipo de comprometimento e, ainda assim, o não-cumprimento dos acordos é difícil de ser verificado ou sancionado.

A ministra da Ecologia da França, Nathalie Kosciusko-Morizet, argumenta que as soluções regionais muitas vezes não são coerentes com as consequências globais das mudanças climáticas. Essa é mais uma razão para a criação de um órgão mundial, o qual a ministra deseja que seja instalado em Paris. O Libération entrevista uma antiga participante das mesas de discussões climáticas pela França, Bettina Laville, que admite que "as negociações serão extremamente difíceis" a respeito da criação da entidade, sobretudo devido à oposição dos Estados Unidos e da China, os maiores poluidores do planeta.

Política francesa
Outro destaque na imprensa desta sexta-feira é uma reportagem do jornal Le Figaro sobre a entrada em campanha do atual presidente Nicolas Sarkozy, que, por enquanto, ainda não anunciou a sua candidatura. Citando fontes próximas ao presidente, sob anonimato, o jornal afirma que Sarkozy deve se lançar para uma curta campanha de 6 a 8 semanas, a começar entre a última semana de fevereiro e a primeira de março.

Segundo Le Figaro, o presidente tem pedido paciência aos aliados e dito que "sabe o que faz", ao manter o suspense. "Confiem em mim", tem repetido nos bastidores do seu partido, o UMP.

Fonte:
http://burgos4patas.blogspot.com.br/2012/03/franca-vai-insistir-por-governanca.html

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato