background img

CDC: Não temos nenhuma evidência sobre o benefício do fluoreto nas crianças

(NaturalNews) Em uma carta da senadora da Califórnia Barbara Boxer ao diretor Thomas Frieden do Centro de Controle de Doenças (CDC), teve como obejetivo responder as perguntas a respeito de flúor e as crianças.

O Instituto de Medicina (IOM), em 1997, definiu que a quantidade adequada de flúor entre crianças de 0 a 6 meses de idade, é de 01 miligramas por dia, na qual representa a mesma quantidade de flúor encontrada no leite materno. A CDC foi questionada se mais flúor do que a quantidade adequada seria benéfica para a saúde.

O diretor Frieden escreveu: "Não temos conhecimento de dados que respondem diretamente as suas perguntas sobre a proteção adicional contra a cárie dentária que podem resultar da ingestão de flúor diária maior do que lactentes de 0-6 meses de idade." Em outras palavras, não há provas científicas de que a alta dosagem de fluoreto em bebés tem qualquer benefício.

Quando a fórmula infantil em pó é preparado com água fluoretada, as crianças podem obter uma dose muito grande de flúor  podendo ultrapassar o "nível de ingestão tolerável" por dia estabelecidos pela IOM em 1997.

Quando perguntado sobre quais efeitos adversos à saúde podem ocorrer quando os bebês ultrapassam o "nível de ingestão tolerável" Frieden  respondeu que o nível foi ajustado para minimizar o risco moderado e severo de fluorose dentária - uma perturbação do desenvolvimento em crianças.

Fluorose significa descoloração dentária malformada, que podem ser manchadas marrom ou preto. Outros efeitos adversos para a saúde de bebês, inadvertidamente, vem na administração de doses pesadas de flúor, na qual não são consideradas importantes pelas agências governamentais.

O que deve ser recomendado

Prestadores da saúde devem recomendar o uso da água não-fluoretada  na prepararação da fórmula infantil em pó. Mas essa recomendação raramente era feito nos EUA.

Em 2006, o CDC e a Associação Dentária Americana  (ADA) finalmente admitiram o que os estudos da produção científica odontológica vinham dizendo há muitos anos - que a fórmula infantil preparada com água fluoretada aumenta o risco de fluorose.

Mas eles estavam relutantes para realmente informar os pais sobre o risco das crianças porque lançariam dúvidas sobre a fluoretação da água. Eles estavam com medo que as pessoas parassem de beber água fluoretada opondo-se a fluoretação. Assim, em 2006, a única coisa que o CDC e ADA fizeram foi publicar páginas na web sobre o risco e, desde então, a ADA se opôs a novos esforços para informar os pais.

A campanha dentária em crianças está empurrando para mais fluoretação, mas eles não querem que os pais saibam sobre o risco da fluorose na fórmula infantil. A Academia Americana de Pediatria deveria ter informado os seus membros sobre esse risco, mas nunca o fez. Os fabricantes de fórmulas infantis têm se recusado a colocar essa informação nos rótulos de suas embalagens. A maioria dos programas  recusam-se em informar os pais sobre o risco que a fórmula infantil em pó fornece.


A Ciência cozinhou a fluoretação para salvar a imagem
No ano passado, em um documento científico,a ADA inverteu a sua posição de 2006 e disse que a água fluoretada poderia ser recomendado para a preparação da fórmula infantil. Não houve explicação para esta recomendação, o que aumenta o risco de fluorose. Parecia ser a ciência gerada apenas para desviar a atenção dos fatos e justificar a ignorancia dos pais.

Embora grandes organizações ricas esperam que as pessoas nunca aprendam sobre este risco para as crianças, algumas pessoas acham que os pais devem ser informados. A assembléia em New Hampshire  aprovou um projeto de lei que exigiria uma fluorose consultiva sobre a fórmula infantil para aparecer em contas de água, mas o projeto foi modificado pelo Senado estadual, teve apenas o aviso impresso e raramente  as pessoas lêem os relatórios anuais de qualidade da água.

Fluorose é um distúrbio cada vez mais comum de desenvolvimento que afeta os bebês. No entanto, a reputação da fluoretação da água foi considerada mais importante do que a saúde das lactentes.

Sobre o autor:
Doug Cragoe é um ativista em causa com o aumento do nível de exposição ao fluoreto nos Estados Unidos.
 
Texto  traduzido do Inglês


Fonte:
http://www.naturalnews.com/036182_CDC_fluoride_infants.html

Fontes para este artigo incluem:

Carta enviada ao senador Barbara Boxer:
 http://dougcragoe.webs.com/apps/documents/

CDC página web em fórmula infantil e fluorose:
http://www.cdc.gov/FLUORIDATION/safety/infant_formula.htm

ADA estudo que diz que a água fluoretada pode ser recomendada para a fórmula infantil: http://jada.ada.org/content/142/1/79.full

O flúor página Rede de Ação sobre os avisos de flúor para crianças:
http://www.fluoridealert.org/health/infant/




0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato