background img

Mais essa... Gorduras "Trans" podem DIMINUIR seu cérebro

alimentos-industrializados-gorduras-trans-1-67 
Além de tudo que já sabemos, como por exemplo, só para lembrar: Células de fetos abortados em refrigerantes, alimentos transgênicos que provocam câncer e alterações genéticas, que o aspartame adicionado nos alimentos é feito de fezes de bactérias, além da água que bebemos, cheia de flúor e lítio, que além de servir como calmante e esterilizador à população, também provocam câncer, agora mais essa...

Aquela costumeira gordura trans que existe em diversos alimentos que consumimos no nosso dia-a-dia, te deixa burro e com o cérebro menor...
Onde tudo isso vai parar?
Será que vamos continuar a ver estas notícias e ficarmos quietos?
Veja a seguir...

Sabe-se que uma dieta rica em gordura, contendo muita comida processada tem um efeito prejudicial, não apenas para o corpo, mas para o cérebro. Um estudo favorece a confirmação deste tema ao afirmar que “Pessoas que tem altos níveis de gordura trans circulando em seu corpo, tem um volume cerebral menor. Elas também têm habilidades de memória, atenção, linguagem e velocidade de processamento mental inferiores”. Em outras palavras, as gorduras trans deixam você mais burro. O estudo também sugere que consumir Omega-3 tem um efeito positivo notável nas funções cerebrais. Apesar do estudo estar focado em pessoas de mais idade e em doenças cerebrais como Alzheimer (um estado avançado de atrofia cerebral), suas conclusões contém fatos que deveriam ser de conhecimento de todos que querem manter seu cérebro saudável e plenamente funcional.

Aqui um artigo do Vancouver Sun sobre o estudo:

Gordura Trans Ligada Ao Encolhimento do Cérebro

Níveis de vitaminas C, E, B e D são mais altos nas pessoas que possuem um envelhecimento saudável e cérebros maiores: diz estudo.

Os pesquisadores descobriram, que há uma parte do seu corpo, que poderia diminuir de tamanho quando, você come muita comida fast food.

Infelizmente, trata-se do seu cérebro.

Pessoas com dieta rica em gorduras trans, tem maior propensão a sofrer um tipo de encolhimento cerebral, comum em idosos associado à doença de Alzheimer. Já pessoas que possuem uma dieta pobre em gordura nocivas ao sistema cardiovascular, apresentam menor propensão ao encolhimento; sugere o novo estudo.

Todavia, aqueles com dieta rica em vitaminas C e E, vitaminas do complexo B e vitamina D, aparentam ter um cérebro maior do que as pessoas que tem dieta pobre desses nutrientes.

E as dietas ricas em ácidos graxos Omega 3, parecem obter vantagem sobre os pequenos vasos cerebrais – “e na capacidade de raciocínio relacionadas a estas veias” disse o pesquisador Dr. Gene Bowman.

O trabalho - publicado no jornal Neurology - envolvia 104 pessoas, de 65 anos ou mais, registradas no Oregon Brain Aging Study. No geral tratava-se de idosos saudáveis, sendo alguns deles fumantes, pessoas com diabetes ou com colesterol alto.

Quando o estudo começou em 1989, “O objetivo era estudar os efeitos da idade sob o risco de demência, nas pessoas que não possuíam fatores conhecidos para a doença, naquela época.” Bowman disse.

No novo estudo, os pesquisadores checaram as amostras de sangue para 30 diferentes nutrientes. Os participantes também fizeram diversos testes neuro-psicológicos, e 42 deles, passaram por ressonância magnética para escaneamento de seus cérebros. A equipe estava interessada em três coisas: função cognitiva, volume total cerebral e alterações da massa branca cerebral, que pode ser um sinal de doença dos pequenos vasos cerebrais.

A doença dos pequenos vasos cerebrais ou (doença aterosclerótica dos vasos cerebrais), é uma acumulação do depósito de placa nos pequenos vasos em todo o cérebro. E pode levar ao derrame.

“Nós sabemos que na doença de Alzheimer a atrofia cerebral completa [o encolhimento] é acelerado, se comparado com pessoas da mesma idade e mesmo sexo que não possuem doença de Alzheimer”, disse Bowman, um médico naturopata do departamento de neurologia da Oregon Health and Science da Universidade de Portland.

Resumo das principais descobertas:

- Vitaminas do complexo B, e antioxidantes C e E, e vitamina D, todos parecem estar trabalhando em conjunto, de algum modo os pesquisadores ainda não sabem a explicação completa. Mas o padrão B-C-E-D foi associado com os grandes volumes cerebrais e uma melhor função cognitiva global. Pessoas que tiveram menor pontuação nessa combinação vitamínica, acabaram por ter um menor tecido cerebral;

- Pessoas que possuíam altos níveis de gorduras trans circulando no organismo, tinham um volume cerebral menor. Elas também tinham habilidades de memória, atenção, linguagem e velocidade de processamento mental inferiores;

- Pessoas com altos níveis do ácido graxo Omega 3, tinham uma melhor execução das funções - habilidade de planejamento, de resolução de problemas, de executar várias tarefas ao mesmo tempo e outras funções - como também possuíam menos lesões na massa branca do cérebro, em escaneamentos feitos por ressonância magnética.

As descobertas levaram em conta idade, sexo, nível educacional, hipertensão arterial, genética e outros fatores relacionados.

Algumas gorduras trans são encontradas naturalmente, em pequenas quantidades, em produtos do dia-dia, bife bovino ou carne de cordeiro, mas as gorduras trans desse estudo estão escondidas em bolos, massas folhadas, batatas chips e outras comidas congeladas, fritas e processadas. Os ácidos graxos das gorduras trans aumentam a inflamação, fazem as paredes das artérias endurecerem e diminuem o ritmo cardiovascular, aumentando o risco de insuficiência cardíaca.

Apenas alguns bons estudos correlacionaram a gordura trans com as funções cerebrais, Bowman afirma. “Eu acho que nosso estudo é um dos primeiros a analisar os níveis sanguíneos de gorduras trans, em relação à saúde cerebral.”

Evidências sugerem que as gorduras trans podem agir de modo, a substituir as gorduras boas nas membranas celulares, “e quando isso ocorre, muda as estruturas e propriedades químicas das células de um modo prejudicial,” afirma Bowman.

“As gorduras trans são conhecidas por serem nocivas a saúde cardiovascular”, ele diz. “Faz sentido o fato delas provavelmente, serem prejudiciais ao cérebro também.”

Ele recomenda evitar a comida processada listada, “Boa parcela possui gordura hidrogenada” nos ingredientes listados. “ Isso é gordura trans”. diz Bowman. - Fonte: Vancouver Sun

Referências: VigilantCitizen

Fontes:
http://midiailluminati.blogspot.com.br/2012/05/gorduras-trans-ligadas-ao-encolhimento.html

http://www.libertar.in/2012/05/mais-essa-gorduras-trans-pode-diminuir.html



0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Curta-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Assine os Feeds Entre em contato